Para informações sobre os concursos relacionados com necessidades em matéria de equipamento médico, consulte a nossa página dedicada à COVID-19.

A Conferência sobre o Futuro da Europa é a sua oportunidade de partilhar as suas ideias para moldar o futuro da Europa. Faça ouvir a sua voz!

Serviços - 418776-2019

06/09/2019    S172

Bélgica-Bruxelas: Descarbonização do envio de mercadorias por navio: Estudo técnico sobre o futuro do índice de conceção de eficiência energética de navios

2019/S 172-418776

Retificativo

Anúncio relativo a alterações ou de informação complementar

Serviços

(Suplemento do Jornal Oficial da União Europeia, 2019/S 156-384137)

Base jurídica:
Diretiva 2014/24/UE

Secção I: Autoridade/Entidade adjudicante

I.1)Nome e endereços
Nome oficial: Comissão Europeia, Directorate-General for Mobility and Transport Directorate D — Logistics, Maritime and Land Transport and Passenger Rights
Localidade: Brussels
Código NUTS: BE100 Arr. de Bruxelles-Capitale / Arr. van Brussel-Hoofdstad
País: Bélgica
Pessoa de contacto: Petra Doubkova
Correio eletrónico: petra.doubkova@ec.eruopa.eu
Endereço(s) Internet:
Endereço principal: https://ec.europa.eu/transport/home_en

Secção II: Objeto

II.1)Quantidade ou âmbito do concurso
II.1.1)Título:

Descarbonização do envio de mercadorias por navio: Estudo técnico sobre o futuro do índice de conceção de eficiência energética de navios

Número de referência: 2019-539 V1.1
II.1.2)Código CPV principal
79411000 Serviços gerais de consultoria em matéria de gestão geral
II.1.3)Tipo de contrato
Serviços
II.1.4)Descrição resumida:

O EEDI é uma das principais medidas a curto-prazo que irão contribuir para alcançar os objetivos da estratégia OMI GEE. Este está numa posição prioritária na agenda da Comissão, bem como dos Estados-Membros da UE — na sua contribuição anterior sobre a questão a nível internacional, a Comissão argumentou no sentido de uma fase 4 do EEDI ambiciosa que deve visar a redução significativa das emissões de Gases de Estufa em todos os novos navios que entrem no mercado a partir de meados de 2030. O EEDI tem também importantes implicações de segurança e está, portanto, intimamente ligado às prioridades DG MOVE. Para acelerar o fornecimento de medidas concretas de redução das emissões de Gases de Estufa, a Comissão de Proteção do Ambiente Marítimo, na sua 74.a sessão, decidiu avançar o trabalho técnico, o que requer uma análise aprofundada e revisão do quadro do EEDI já que as margens para melhorar a eficiência energética estão a ser reduzidas progressivamente. Isto irá requerer, por sua vez, novo trabalho analítico para a maioria das categorias de navios.

Secção VI: Informação complementar

VI.5)Data de envio do presente anúncio:
03/09/2019
VI.6)Referência do anúncio inicial
Número do anúncio no JO S: 2019/S 156-384137

Secção VII: Alterações

VII.1)Informação a alterar ou acrescentar
VII.1.2)Texto a alterar no anúncio inicial
Número da secção: IV.2.7)
Ponto onde se encontra o texto a alterar: Condições de abertura das propostas
Em vez de:
Data: 14/10/2019
Hora local: 11:00
Ler:
Data: 11/10/2019
Hora local: 11:00
VII.2)Outras informações complementares: